03 maio 2017

#HotTips: 5 livros sobre questões raciais

Olá, jovens!

O #HotTips de hoje vem na onda da nova série da Netflix, Cara gente branca, e também de um livro da minha TBR, The hate U give, da Angie Thomas. Depois de muita indecisão (havia mais de 12 livros na lista), deem uma olhada nessas cinco dicas de livros falando de questões raciais, assunto tão em alta nesse momento de desconstrução da sociedade quanto cada vez mais bem representado em livros, cinema e séries de TV.
Inclusive, vou começar listando o próprio The hate U give (O ódio que você dá), que é um Young Adult que deu o que falar lá fora (Está nas listas de bestsellers dos maiores jornais do mundo) e até foi comprado por uma grande editora brasileira para tradução! Fiquem de olho!

Sinopse oficial: Starr Carter, de 16 anos, está entre dois mundos: a pobre vizinhança onde mora e uma escola particular preparatória suburbana onde estuda. O mundo dela é estraçalhado quando Starr testemunha o fatal tiroteio de seu amigo Khalil pelas mãos de um policial. Khalil estava desarmado.
Logo depois sua morte é notícia nacional e alguns o chamam de ladrão e até traficante e membro de gangue. Protestos chegam por todos os lados pelo nome de Khalil. Alguns policiais e um traficante grande da vizinhança de Starr tentam intimidar ela e sua família e todo mundo quer saber o que realmente aconteceu naquela noite? A única pessoa que pode responder é Starr, mas fica a questão: defender sua comunidade ou colocar sua vida em risco?

No Brasil, o livro sairá no segundo semestre pelo selo Galera, da Editora Record.




Sinopse oficial: Indicado aos fãs de "Tudo e todas as coisas" e "All american boys" (que só não falei nesse post pois não são lançamentos recentes, porém EXCELENTES livros sobre a mesma temática), Ibi conta sua própria história em American Street, como uma hiatiana imigrante em sua lírica exploração da América com um realismo descrito pelos críticos como "mágico".
Em "American..." acompanhamos Fabiola Toussaint e ela finalmente achou que viveria uma belle vie (uma boa vida), mas após deixar Port-au-Prince, no Haiti, a mãe grávida de Fabiola é detida pela imigração, deixando-a sozinha para lidar com seus primos americanos, a dureza do lado oeste de Detroit, uma nova escola e um (surpresa!) romance.
Justamente quando ela está achando seu passo nesse estranho novo mundo, uma proposta perigosa aprece e Fabiola logo nota que a liberdade vem com um custo. Presa entre os caminhos de uma escolha impossível, ela pagará o preço pelo Sonho Americano?



Alguns corpos não ficarão enterrados.
Algumas estórias precisam ser contadas.


Sinopse oficial: Rowan Chase, uma jovem de 17 anos que acha um esqueleto na propriedade da família. Não... Sério: Um esqueleto. Ela nem tem idéia que a investigação do assassinato irá levá-la a descobrir verdades dolorosas sobre o passado e presente de sua família.

Quase cem anos antes, um encontro violento coloca Will Tillman, de 17 anos, em um problema racial. Na vida rural, a violência contra os negros e uma cidade segregada por Jim Crow, Will deve decidir entre uma jornada de auto-conhecimento dolorosa e enfrentar seus demônios para fazer o que é certo na noite em que Tulsa começar a queimar.
Entre perspectivas alternadas de Rowan e Will, Jennifer nos leva a revolta em Tulsa de 1921 e levante importantes questões sobre as relações raciais nos Estados Unidos - no passado e hoje.



Lista de coisas que Margot Sanchez odeia:
Mami, por destruir sua vida social
Papi, por permitir que Junior se tornasse um neanderthal
O supermercado
Todo mundo. 

Sinopse oficial: Após "emprestar" o cartão de crédito do pai para comprar um guarda-roupa mais estiloso, Margot está de castigo! E por castigo, significa que está trabalhando no mercadinho da família para pagar seus débitos.
A cada pedaço de carne que ela corta, Margot pode sentir sua reputação na escola preparatória se esvaindo e está disposta a tudo para escapar dessa punição. Mentir, trapacear e até roubar...
Um convite para uma festa na praia está na ponta de seus dedos e ela não tem intenção nenhuma de deixar os dramas de sua família e até de Moises (um rapaz com fama de bom garoto e até bonito na vizinhança) deixá-la de sua meta (A FESTA!).
Vocês pensaram que eu só ia colocar drama pesado? Calma. Quem nunca quis partir pra violência com um adolescente
mimado?

"... como um bando de aves negras (...) Exceto que ao contrário das aves que retornam na primavera, essas aves nunca voltavam (para o Mississippi)."

Sinopse oficial: É verão de 1955 no Mississippi e Rose Lee Carter mal pode esperar para se mudar para o norte, mas por enquanto, ela vive com seus avós em uma fazenda de plantação de algodão de um homem branco. 
Em uma cidade vizinha, um rapaz afro-americano, Emmett Till, é assassinado por SUPOSTAMENTE ter assoviado para uma mulher branca. Quando os assassinos de Till escapam na justiça sem condenação nenhuma, Rose percebe que o Sul precisa de uma mudança e ela pode fazer parte do movimento.
O primeiro livro de Linda é um retrato ficcional de uma família afro-americana e eventos reais de um famoso julgamento que provocaram mudanças nas relações raciais nos Estados Unidos.


Bem, jovens, é isso por mais essa edição de #HotTips! Vamos ler que o Pierre tá mandando!


Lembrando que você pode adquirir qualquer um desses livros ou outros por meio desse link da amazon: http://amzn.to/2kJJW4r e colaborar com uma pequena comissão para o blog.

Gostou da dica de leitura? Já leu o livro? Comenta aí embaixo e vamos conversar! 
 Não deixe de curtir a nossa página no FB e de se inscrever no nosso canal no youtube.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ronrone à vontade.