30 março 2015

A Horripilante História da Morte – uma mistura de mortes, doenças e destruições!, de Clive Gifford

Quando eu escolhi resenhar o livro “A Horripilante História da Morte – uma mistura de mortes, doenças e destruições!”, de Clive Gifford e publicado pela Matrix Editora, imaginei que teria em mãos um livro do tipo jornalismo investigativo, uma espécie de “documentário” escrito.

Qual não foi a minha surpresa, ao abrir o pacote entregue pelo carteiro, e ver que se tratava de um compêndio de informações sobre a morte, uma coletânea infanto-juvenil! E não de quaisquer mortes, mas notas sobre as mais horripilantes delas.

Passada a surpresa, me rendi as 160 informações trazidas sobre esse tema mortal, por entre 208 páginas, que vão desde estilos de tortura, acidentes, deidades da morte, assassinatos curiosos, métodos de cuidar do corpo morto, ou seja, “uma coleção de fatos e histórias mais sangrentos, horrorosos e repulsivos sobre a morte, a ruína e a destruição!”. Mas tudo com uma boa dose de “humor” e leveza e muitas gravuras e quadrinhos engraçados.

No final do livro, há um pequeno glossário com termos que podem causar estranhamento aos leitores mais jovens, como por exemplo: ‘exumação’ e ‘gangrena’.

Um livro para ler em momentos de descontração, pois não tem nada de tão extraordinário, sendo assim, apenas agradável. É recomendado para crianças e adultos corajosos, é claro. Se você for, entre, mas saiba que isso é por sua conta e risco.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ronrone à vontade.