26 agosto 2010

Máquina do Mundo*

Trabalho
Roda, roldana, engrenagem.
Luminosidade.
Esquenta o motor.

Tráááááááá...

O mundo gira;
A noite chega,
Clara como o dia.

E-LE-TRI-CI-DA-DE
Louvemos a energia!

Prótons, elétrons, neutrons.
Á-TO-MOS

Combustão. Exaustão.

O mundo em constante
Humanização.

*Poema meu publicado na [Antologia: poesias, crônicas e contos._Belém, 2010]. A versão digital pode ser encontrada no sítio: http://proex.ufpa.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ronrone à vontade.